A decoração industrial como inspiração para seu apartamento

Lá atrás, na edição 2014 da Casa Cor, o estilo de decoração industrial começava a cair no gosto do brasileiro. O seu conceito foi muito bem recebido, principalmente para quem queria um espaço contemporâneo e cosmopolita, com conforto e aconchego.

Não foi surpresa quando, em pouco tempo, ele se tornou uma grande inspiração para apartamentos. E continua sendo, até hoje! Afinal, a decoração industrial tem se revelado uma das mais atraentes nos últimos anos, o que significa que continuará sendo tendência e um dos queridinhos dos designers de interiores.

A história do estilo começou entre as décadas de 1950 e 1970, em Nova Iorque, quando pessoas começaram a transformar antigos galpões em lofts, fazendo do dinamismo e do despojamento urbano uma característica da época.

Lofts são lugares bastante espaçosos, que influenciaram a concepção da decoração industrial, que dá ênfase à espacialidade.

Atualmente o estilo está muito bem adaptado a lugares mais compactos, por ser bastante versátil. É possível ter o toque industrial em qualquer cômodo do seu apartamento – da sala de estar ao banheiro!

 

As características da decoração industrial


Pouco acabamento nas paredes

Uma característica marcante do industrial são as paredes sem acabamento ou com um acabamento rústico. Os materiais mais usados pra isso são os tijolos, cimento ou concreto, que se estendem para os pisos.

Essa inspiração vem da característica primária das construções que remetem à origem da decoração industrial, expostas e sem preocupação com acabamento na estrutura.

Mas, para criar um equilíbrio entre a rigidez desse lado mais rústico e, de certa forma, sóbrio, o ideal é criar um aconchego e leveza usando materiais mais delicados e naturais, como madeira, tecidos de algodão, lã e mantas fake fur, dispostas em cadeiras, poltronas e sofás.


Iluminação

 

No estilo industrial, estão liberadas as lâmpadas com fios à mostra, assim como luminárias pendentes, com ou sem aramados. Arames, aliás, junto do metal (principalmente o cobre), têm seu lugar cativo não só na iluminação, como em móveis e objetos de decoração desse contexto.

 

Portas e janelas largas

 

Além de características desse tipo de decoração, janelas grandes exploram a iluminação natural do ambiente.

Geralmente, assim como as portas (que ora ampliam, ora criam privacidade para o espaço), são feitas de vidro e ferro, com uma pegada bem rústica.

Dica: aposte em portas de correr. Além de influenciar a amplitude do ambiente, são bem charmosas.

 

Encanamentos e vigas aparentes

 

Na decoração industrial, nada é escondido: os encanamentos, fios e vigas aparentes, em evidência, são uma característica bastante forte dessa estética, trazendo uma atmosfera moderna e urbana.

Para criar um ambiente equilibrado, siga a orientação que dissemos anteriormente: mescle esse lado rústico com objetos mais delicados.

 

Móveis e cores

 

Graças ao visual sóbrio da decoração industrial, é possível ter um ambiente que também combine os estilos rústico e vintage.

Ou seja, artigos feitos a mão, referências a décadas passadas, a madeira de demolição e o couro vivem muito bem com móveis de design simples. Enquanto o estilo vintage e seus elementos coloridos e madeira natural aquecem o espaço, o rústico reforça a estética industrial, com seu mobiliário mais “desgastado”.

Saiba harmonizar todos os elementos levando em consideração que uma paleta de cores mais neutras e terrosas também é característica do industrial, principalmente o preto, o marrom e o cinza. Metalizados, como o cobre, iluminam e sofisticam quando aplicados em encanamentos e lustres aramados, por exemplo.

 

Sem “quebradeira

 

Depois de ler tudo isso e ver fotos do estilo industrial, fica difícil não querer botar a mão na massa e transformar nosso apartamento agora mesmo, não é?

O bom é que, pra transportar essas ideias para a “realidade”, não é preciso fazer mudanças estruturais em casa, se preferir. Uma parede de tijolinhos ou de cimento queimado podem ficar por conta de papeis de parede que imitam o visual, por exemplo.

Ao invés de instalar móveis com canos de ferro, como estantes, opte por usar canos de PVC com tinta spray preta ou metalizada como acabamento, que dá um efeito extremamente parecido e tudo fica muito mais econômico. Instale lâmpadas de filamentos, escolha móveis com detalhes em metal (como bancos e luminárias) e use cores neutras pontuadas por tons mais vivos.

Podemos ver que é totalmente atual e possível ter um apartamento decorado no estilo industrial somente usando acessórios e móveis decorativos. Lembre-se: o segredo é equilibrar todos os elementos.

 

O que achou? Deu vontade de dar um up no ambiente? Não deixe de contar pra gente nos comentários suas ideias. 😉

    Leave a Comment

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *